Um homem foragido da Justiça, com mandado de prisão em aberto e passagens por dano qualificado, roubo e injúria racial, foi preso nesta quinta-feira (22) na fila da vacinação contra a covid-19, no Pavilhão da Cura do Parque Barigui, em Curitiba.

LEIA MAIS

> Curitiba prorroga bandeira amarela, mas SMS pede atenção a nova variante do vírus

> Projeto prevê instalação de eliminadores de ar nos relógios da Sanepar

> Prefeitura revela detalhes das trincheiras na Linha Verde e Estação São Pedro

De acordo com informações da Guarda Municipal de Curitiba, guardas viram o rapaz tumultuando a fila e foram até ele. Na abordagem, o homem teria se mostrado bastante nervoso e dizia aos agentes que queria se vacinar o mais rápido possível.

O homem estava sem documentos, mas depois de os guardas municipais levantarem seus dados, constataram que tratava-se de um foragido da Justiça com um mandado de prisão em aberto. O suspeito de 45 anos tinha o registro de prisões por pelo menos três crimes em sua ficha.

E como não tinha nenhum documento, o suspeito não recebeu a vacina e ainda foi conduzido para a Divisão de Vigilância e Capturas, no Centro de Curitiba.