Um ano após sobreviver a uma tentativa de homicídio, Matsoel dos Santos, 18 anos, foi novamente baleado, na tarde desta segunda-feira (25), no bairro Tatuquara, mas desta vez não resistiu. Ele aguardava em um ponto de ônibus, quando foi surpreendido pelo atirador.

Segundo familiares relataram à polícia, o rapaz aguardava o ônibus na Rua Faustino Raimundo Pellanda, porque ia tirar o certificado de reservista. Por volta das 14h30, conforme testemunhas, um atirador em um Bravo branco disparou várias vezes contra ele, que morreu no local.

De acordo com o delegado Wagner Holtz, da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), familiares comentaram que Matsoel vinha recebendo ameaças de morte há algum tempo.

No ano passado, o rapaz levou três tiros na cabeça e foi levado pelo helicóptero ao hospital. A polícia vai investigar se há relação entre os dois crimes.

O corpo do rapaz foi recolhido ao Instituto Médico Legal (IML).