Por decisão liminar da justiça, a Secretaria de Estado da Educação (Seed) optou por suspender a eleição para diretores nas escolas públicas do Paraná, que estava marcada para esta quarta-feira (09). O pedido era do Ministério Publico do Paraná e foi acatado pela juíza Patrícia Bergonse. A votação era nesta quarta-feira, em mais de 1,7 mil colégios do Paraná.

+Viu essa? Super fungo resistente a remédios, e que pode ser fatal, é identificado no Brasil

A Seed informou que respeita a decisão da 5ª Vara, mas destaca que planejou as eleições com o maior cuidado e zelo, obedecendo o protocolo de segurança contra o Covid da Secretaria de Estado da Saúde, com distribuição para todas as escolas de álcool em gel, mascaras, face Shields, entre outros equipamentos.

“É clara a possibilidade de contato físico entre os participantes/votantes, com formação de aglomeração não somente das pessoas que irão aos locais de votação, mas também, face a existência de mesas receptoras de votos, mesas escrutinadoras, fiscais, entre outros”, frisou a juíza na decisão.

Lembrando que o coronavírus avança no Paraná e que, segundo boletim desta terça-feira (08), o Paraná confirmou mais 2.123 casos confirmados de pessoas infectadas pelo novo coronavírus e mais 68 mortes em decorrência da covid-19.

LEIA TAMBÉM  Em Curitiba, restam apenas 17 vagas livres de UTI exclusivas para coronavírus do SUS

E a prova do PSS, como fica?

Segundo a APP-Sindicato, mais de 40 mil candidatos estão aptos para fazer a avaliação em 32 municípios do estado. Inicialmente previstas para o dia 13 de dezembro, foram transferidas para o dia 20 de dezembro.