Os bombeiros encontraram, na madrugada desta quinta-feira (04), o corpo de um homem de 60 anos que estava desaparecido após o deslizamento em Curitiba. O acidente ocorreu na noite desta quarta-feira (03), após o reservatório da empresa, no bairro Vista Alegre, em Curitiba, cair sobre um caminhão. O homem que morreu era motorista do veículo. As buscas duraram dez horas, mas o trabalhador não resistiu.

Era 3h da madrugada quando a vítima foi encontrada, já estava sem vida. Além de 20 bombeiros, três cães farejadores auxiliaram nas buscas. O homem trabalhava na caldeira da empresa junto com outro colega, que conseguiu escapar do deslizamento sem ferimentos.

“Infelizmente a vitima veio a óbito. Foi encontrada depois de 10 horas de busca e estava entre o caminhão e um muro do local. A empresa nos forneceu equipamentos como uma retroescavadeira para a retirada dos entulhos, o que facilitou todo o trabalho”, disse Mikeil Petrus, capitão do Corpo de Bombeiros. O deslizamento agora será investigado.

O caso

No momento do deslizamento, dois funcionários da empresa estavam próximos da caldeira da fábrica. De acordo com informações do capitão Mikael Petros, do Corpo de Bombeiros, um dos funcionários conseguiu sair dos escombros e outro ficou soterrado.

“Uma equipe do Gost (Grupo de Operações de Socorro Tático) fazem busca da vítima no local com três cães. A ideia é diminuir o perímetro de buscas na tentativa de localizar a vítima, que ainda não foi identificada”, explicou o capitão dos bombeiros, na noite desta quarta-feira, à Tribuna.