Após 18 meses de pandemia em Curitiba, a Secretaria Municipal da Educação (SME) organiza o retorno às aulas presenciais. A previsão desta retomada é para 27 de setembro e as famílias das 140 mil famílias da rede municipal de ensino podem optar pela volta diária às aulas ou permanecer no ensino remoto, com as videoaulas da TV Escola Curitiba .

O retorno vai acontecer nas 415 unidades de ensino – as 185 escolas municipais e 230 Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIS) com foco nas seguranças de crianças, estudantes e profissionais, respeitando os protocolos de segurança sanitária.

LEIA TAMBÉM:

>> Vacinação de adolescentes entre 12 e 17 anos contra covid-19 é suspensa pelo Ministério da Saúde

>> Curitiba aplica 3ª dose em idosos acima de 70 anos e imunossuprimidos neste sábado

A superintendente de Gestão Educacional da SME, Andressa Woellner Duarte Pereira, esclarece que, enquanto durar a pandemia do novo coronavírus, a SME vai manter os dois formatos de atendimento – presencial e remoto – para que os pais e responsáveis escolham a que consideram mais adequada para a organização familiar. O formato híbrido (que alterna uma semana presencial e outra com acompanhamento das videoaulas) deixará de ser ofertado.

Retorno com segurança

A decisão da SME em retomar as aulas leva em consideração os resultados do monitoramento feito desde o retorno às aulas no formado híbrido, no início de agosto. Nesse período, foram avaliados o cumprimento efetivo dos protocolos sanitários e o baixo número de casos confirmados da covid-19 entre profissionais, crianças e estudantes.

Além disso, todas as unidades receberam os equipamentos e cuidados necessários para um retorno seguro. Máscaras, face shields, totens de álcool em gel, tapetes sanitizantes, serviços de sanitização e periodicamente é feita a entrega de produtos de higienização para o combate da covid-19. “Isso nos dá condições para o retorno seguro”, frisa a superintendente.

Até o dia 22 de setembro, a SME faz um levantamento junto as famílias das crianças e estudantes da rede municipal de ensino para dimensionar o número de crianças e estudantes para o atendimento presencial.

Essa consulta possibilita a adaptação das unidades conforme as determinações de distanciamento, mantendo os cuidados de higienização dos espaços, uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIS), máscara e álcool em gel.

Escolha do formato

A migração vai ser automática para o formato presencial para quem já está no ensino em formato híbrido (aulas presenciais + videoaulas), com o fim da alternância dos grupos A e B.

Familiares que preferirem alterar o formato – passar do remoto para o presencial ou vice-versa – devem procurar a unidade de ensino em que a criança está matriculada até 22 de setembro para informar a opção.

Os Centros de Educação Infantil (CEIS) com vagas contratadas pela Prefeitura também deverão seguir o calendário da SME de retorno às atividades presenciais.

Os estudantes do Ensino Fundamental matriculados em período integral seguem tendo as aulas em meio-período como a previsão de, a partir de 4 de outrubro, que retornem ao atendimento em dois períodos.

Retomada gradativa

O retorno às aulas presenciais está sendo feito de forma gradativa na rede municipal de ensino, com a maioria das famílias tendo optado pelo formato híbrido. Desde o retorno às aulas presenciais, no início de agosto, 65% das famílias havia optado por esse formato e 35%, pelo ensino remoto.

A SME continua fazendo a entrega dos kits de higiene e limpeza para todas as unidades de ensino, com materiais de limpeza, higienização e sanitização. Os kits são compostos de água sanitária, desinfetante, álcool gel, álcool 70%, sabonete, papel toalha, máscara e pulverizador (bombinha).

Além disso, as unidades recebem as parcelas do Fundo Rotativo, destinado à aquisição de materiais e pequenos serviços de reparos e, neste momento de pandemia, a aquisição de EPIs e produtos de limpeza.

Web Stories

Gigante!!

Nova Havan será quatro vezes maior que a loja que será abandonada em Curitiba

Você sabia?

Cinco curiosidades sobre Curitiba que nem o curitibano raiz vai saber dizer!

Malhação Sonhos

Nat impede que Duca enfrente Lobão

Lindas!

Cinco árvores exóticas e raras de Curitiba