A campanha eleitoral em Colombo está mexendo com as emoções peemedebistas. O deputado federal Rodrigo Rocha Loures (PMDB/PR), membro da Comissão de Educação da Câmara, encaminhou ao procurador da República, Antonio Fernando de Souza, denúncia formulada à Procuradoria do Ministério Público do Paraná, por quatro vereadores de Colombo, de superfaturamento da merenda escolar.

Segundo o deputado, o prefeito Jota Camargo (PSC) é acusado de comprar 30 toneladas de feijão a R$ 7,50 o quilo. No varejo, por exemplo, o kg do mesmo feijão sai no máximo por R$ 3, comparou.