Quem caminhou nas últimas semanas pela Praça Ivo Rodrigues, no Bairro Alto, em Curitiba, sentiu falta de um tradicional morador da região: o cacique Tindiquera, representado por uma estátua de bronze que há anos faz parte da paisagem da rua Antônio Cândido Cavalim. Há pouco mais de dez dias, moradores e transeuntes se perguntam para onde teria ido o ilustre vizinho.

+Leia mais! Fila de ambulâncias em hospital de Curitiba? Entenda o que aconteceu

O questionamento pode ser visto com um misto de carinho pela obra e medo por ela ser retirada novamente do local. Em 2017, no aniversário de 324 anos de Curitiba, a estátua foi instalada na Praça Tiradentes, sendo retirada do Centro Histórico da Vilinha do Atuba, onde se acredita ter começado a história de Curitiba, ainda no século XVII.

Foto: Tribuna do Paraná.

De acordo com a Fundação Cultural de Curitiba (FCC), o Cacique Tindiquera passa bem e está sendo bem cuidado pelas equipes de manutenção da prefeitura. Mas as “férias” da estátua ainda não têm data para acabar. Segundo a FCC, ainda não há um prazo para que o índigena volte para casa. O local passou por mudanças e uma nova estrutura está sendo construída no local.

Local estratégico

A região da Praça Ivo Rodrigues é de grande importância para a história de Curitiba. Segundo a lenda, foi nos arredores que o cacique Tindiquera teria apontado a direção aos portugueses da então Vila Nossa Senhora da Luz dos Pinhais, povoado que deu origem a Curitiba.

A região da Praça Ivo Rodrigues é de grande importância para a história de Curitiba.
A região da Praça Ivo Rodrigues é de grande importância para a história de Curitiba. Foto: Reprodução/Google.
Pantanal

Zuleica está preocupada com Marcelo

Instagramáveis

Saiba onde encontrar as lindas cerejeiras em Curitiba

Novidades da Netflix

Volume 2 de Stranger Things 4 e mais séries e filmes chegam nesta semana

Além da Ilusão

Joaquim termina seu noivado com Isadora