Um homem de 62 anos, que trabalhava como segurança em um posto de combustível, foi morto em seu local de trabalho na madrugada deste sábado (24). Nelson Augustinczjtk era ex-policial militar e trabalhava como segurança há mais de cinco anos, conforme sua família. O crime aconteceu na Rua Vicente Michelotto, no bairro Cidade Industrial (CIC), em Curitiba, por volta da 1h da manhã.

De acordo com a Polícia Militar, Nelson foi abordado por um homem que estava em um Palio azul. O assassino teria descido do carro rapidamente e atirado contra a vítima que até tentou correr pelo pátio do posto de combustível, mas não conseguiu. O bandido efetuou pelo menos cinco disparos na cabeça do trabalhador. O Siate e equipe médica foram até o posto para tentar socorrer a vítima, mas ele morreu na hora.

A neta do ex-policial, Letícia Augustinczjtk, de 20 anos, diz não entender o motivo do crime. Ela contou à Tribuna do Paraná que o avô era muito dedicado e que trabalhava em diversos postos de combustíveis como segurança. No Facebook, diversas homenagens foram registradas por amigos próximos e familiares.

“Meu avô estava em um processo de aposentadoria e é difícil acreditar nisso. Ele era um homem bom e já prendeu muita gente ruim, talvez seja isso. Não dá pra gente saber o que aconteceu, mas é revoltante”, relatou emocionada.

Em chamas

O veículo utilizado pelo bandido foi localizado alguns minutos depois dos disparos o veículo utilizado pelo assassino foi encontrado em chamas na Rua Arakem Tavara, também na Cidade Industrial. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas o carro já estava completamente destruído e sem ninguém no local.

A Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga o crime.