Por falta da entrega de novos lotes de vacinas contra a covid-19, nesta quarta-feira (26) Curitiba irá vacinar com a primeira dose somente o grupo de pessoas com deficiência de 40 anos ou mais.

A cidade aguarda o recebimento de mais doses de imunizantes para retomar a vacinação dos outros grupos: profissionais da educação básica e pessoas com comorbidades. O cronograma para aplicação da segunda dose da vacina AstraZeneca para idosos de 85 a 81 anos está garantido. 

LEIA TAMBÉM:

>> Curitiba confirma mais 908 casos de covid-19; ocupação de UTIs e enfermarias segue crítica

>> Bandeira laranja é prorrogada em Curitiba, mas só até a próxima sexta-feira

Até segunda-feira (24), foram vacinadas 472.693 pessoas com a primeira dose anticovid sendo 300.665 idosos, 76.977 profissionais dos serviços de saúde da cidade (incluindo as equipes de vacinação), 6.636 moradores, funcionários e cuidadores de instituições de longa permanência, 5.233 trabalhadores das forças de segurança, 77 indígenas, 6.662 gestantes e puérperas, 2.286 pessoas com deficiência, 67.403 pessoas com comorbidades e 6.754 educadores, entre professores e trabalhadores da Educação Básica.

Critérios para vacinação das Pessoas com Deficiência Permanente

Além de seguir a faixa etária anunciada pela Prefeitura de Curitiba, para receber a primeira dose da vacina contra a covid-19 em qualquer um dos pontos de vacinação da cidade, a pessoa com deficiência precisará apresentar qualquer um dos seguintes documentos, junto com um comprovante de residência de Curitiba.

– Cartão-transporte da Urbs de isento para Pessoa Com Deficiência Permanente (identificado com a letra I no canto superior direito)

– Identidade emitida a partir de 2019 com a indicação “Pessoa com Deficiência”

– Declaração médica disponibilizada no portal do CRM-PR, emitida pelo médico que o/a acompanha, com a indicação da Deficiência Permanente. 

– Pessoa com Deficiência Permanente acompanhada pelas Unidades de Saúde de Curitiba receberão uma mensagem pelo aplicativo do Saúde Já avisando que são elegíveis para a vacina. Neste caso, é só conferir o cronograma da idade.

– Pessoa com Deficiência acamada: um familiar ou responsável deverá fazer contato com a unidade de saúde de referência para solicitar a vacinação em casa.

– A Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba orienta que em qualquer um dos casos é necessário apresentar o comprovante de residência com endereço de Curitiba.

Pontos fixos de vacinação contra covid-19

Das 8h às 17h, de segunda a sexta-feira

1 – Pavilhão da Cura
Parque Barigui (entrada somente pela BR-277)

2 – US Ouvidor Pardinho
Rua 24 de Maio, 807 – Praça Ouvidor Pardinho

3 – Centro de Referência, esportes e atividade física
Rua  Augusto de Mari, 2.150 – Guaíra

4 – US Salvador Allende
Rua Celeste Tortato Gabardo, 1.712 – Sítio Cercado

5 – US Parigot de Souza
Rua João Eloy de Souza, 111 – Sítio Cercado

6 – US Vila Diana
Rua René Descartes, 537 – Abranches

7 – US Fernando de Noronha
Rua João Mequetti, 389 – Santa Cândida

8 – Centro de Esporte e Lazer Avelino Vieira
Rua Guilherme Ihlenfeldt, 233 – Bacacheri

9 – US Jardim Paranaense
Rua Pedro Nabosne, 57 – Alto Boqueirão

10 – US Visitação
Rua Dr. Bley Zornig, 3136 – Boqueirão

11 – US Camargo
Rua Pedro Violani, 364 – Cajuru

12 – US Uberaba
Rua Cap. Leônidas Marques, 1392 – Uberaba

13 – Clube da Gente CIC
Rua Hilda Cadilhe de Oliveira

14 – US Vila Feliz
Rua Pedro Gusso, 866 – Novo Mundo

15  – US Aurora
Rua Theofhilo Mansur, 500 – Novo Mundo

16 – US Pinheiros
Rua Joanna Emma Dalpozzo Zardo, 370 – Santa Felicidade

17 – Rua da Cidadania do Tatuquara
Rua Olivardo Konoroski Bueno, s/n

18 – Rua da Cidadania do Fazendinha
Rua Carlos Klemtz, 1.700