A família de Erick Ismael da Silva, de 17 anos, portador de uma doença rara que mora no bairro Tatuquara, em Curitiba, está promovendo a rifa de uma cafeteira e dois kits de perfumes. Foi a forma que a família encontrou para conseguir trocar as baterias do monitor da UTI do Erick. Cada número da rifa custa R$ 10.  A Tribuna do Paraná acompanha de pertinho este caso desde 2014, quando os pais construíram a UTI dentro de casa.  

Cada bateria do monitor custa R$ 950 reais. Segundo a Dalvana Correia da Silva, de 35 anos, que não trabalha devido a gravidade da doença do filho, as baterias são trocadas todo o ano. “Uma pessoa todo ano nos ajuda com a metade do valor. Este ano, por conta da pandemia, ela não pode nos ajudar. Também estamos com um talão de luz de quase R$ 500. A UTI gasta muita luz e tivemos um problema no cadastro”, explica a mãe.

A família também fez uma vaquinha on-line para a compra uma cadeira de rodas para o Erick. “Ele já está há anos esperando. Mas o urgente mesmo é resolver a questão das baterias, pois já passou o prazo de troca”, pede da Dalvana Correia.

Erick é portador da síndrome de Lennox, doença que provoca paralisia cerebral. O adolescente também enfrenta várias infecções e complicações decorrentes da doença. Convulsões são frequentes e mesmo com a medicação anticonvulsivantes, a melhora no quadro é mínima. Só em 2020, Erick foi internado quatro vezes no Hospital Pequeno Príncipe. 

Como ajudar?

Para ajudar o Erick, três cartelas com cem nomes foram confeccionadas e os prêmios serão a cafeteira e os kits de perfume. Ao fim das vendas, será feito o sorteio para definir quem será o vencedor. 

Para ajudar, entre em contato com a família pelos telefones (41) 99546-6503 e (41) 98870-4358. Para doações tem o PicPay @dalvana.correia.silva. Já a conta bancária é na Caixa Econômica Federal: 

Agência 4744

Operação 013

Conta-poupança 3357-8

Dalvana Correia da Silva

CPF 060.565.959-19