Além do rastro de estragos em vários pontos da Grande Curitiba, a forte chuva que da noite de sábado (3) fez uma vítima fatal em Araucária, na Região Metropolitana. Um homem de 53 anos foi levado pela enxurrada e o seu corpo foi encontrado sem vida pela própria família no domingo, cerca de 24 horas depois da chuva, nas proximidades da Rua Miguel Grabowisk, no bairro Roça Grande.

De acordo com o capitão Cerdeiros, do Corpo de Bombeiros, a família se deu conta do desaparecimento do homem ainda no sábado, quando ele não retornou para casa até o fim da noite. “Eles fizeram buscas nas casas de amigos desde então, inclusive durante o domingo, e acionaram os bombeiros no fim da tarde, quando não o encontraram”, explica o oficial. “Enquanto nos dirigíamos para lá, a família retornou informando que eles já haviam localizado a vítima, infelizmente sem vida”.

Com a informação de que a família havia encontrado o corpo do homem, os bombeiros não chegaram a ir até o local. O Instituto Médico Legal de Curitiba (IML) foi acionado para o atendimento.

Resultado das chuvas

O balanço divulgado pela Defesa Civil de Curitiba sobre as chuvas aponta que, até o domingo (4), 300 casas foram atingidas e mais de 1,5 mil pessoas afetadas pela enchente. Ao todo, 200 pessoas tiveram de sair de suas casas por causa dos alagamentos, que afetaram, sobretudo, bairros das bacias do Rio Belém, na Regional Portão/Fazendinha, do Rio Barigui e na Regional Cidade Industrial de Curitiba (CIC).

Às áreas ribeirinhas da CIC, inclusive, foram consideradas umas das mais críticas, o que levou moradores da região a fecharem a BR-376, no Contorno Sul, por quase seis horas na tarde de domingo em um protesto cobrando melhorias no bairro. Os manifestantes tiveram suas casas alagadas e alegaram que a região não estava recebendo a devida assistência da prefeitura.

Para minimizar os danos, prefeitura de Curitiba está arrecadando donativos para as famílias atingidas pela enchente. Podem ser doados colchões, água potável, alimentos não perecíveis e materiais de limpeza que serão destinados às centenas de famílias afetadas pelas fortes chuvas. De acordo com a administração, 1,3 tonelada de alimentos será distribuída em caráter emergencial para as famílias afetadas. A Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Smab) liberou 100 cestas com sete itens (açúcar, arroz, feijão, macarrão, molho de tomate, sal e óleo). As doações podem também ser encaminhadas para a sede da Tribuna do Paraná, na Avenida Victor Ferreira do Amaral, número 306.

Tira a gente daqui!