A Feira de Artesanato do Largo da Ordem será liberada para funcionar neste domingo (24) de maneira excepcional, já que Curitiba ainda está sob a bandeira laranja, com medidas que restringem o funcionamento de atividades consideradas não essenciais. Os artesãos receberam a boa nova em um comunicado enviado pela presidente do Instituto Municipal de Turismo.

“A nossa Feirinha poderá ter a participação de todos os que já haviam comunicado o
retorno até dezembro de 2020, antes da última suspensão. Desta forma deverá ser
obedecido o layout fixado pela coordenação e barracas de no máximo 2m x 2m para
artesanato”, disse o comunicado.

+ Veja também: Loja de carros em bairro nobre de Curitiba é suspeita de dar golpe de quase R$ 1 milhão; dono foi preso

Diante da situação preocupante da pandemia, inclusive com a identificação de casos suspeitos de contaminação pela nova cepa do vírus, a administração das feiras recomenda máximo cuidado aos artesãos.

Recomenda-se distanciamento de 2 metros, uso obrigatório de máscaras, disponibilização pelos artesãos de álcool 70º (setenta por cento) ou sanitizantes de efeito similar para uso próprio e de clientes, organização de filas para evitar aglomerações, presença de apenas um artesão por barraca (exceção para barracas de alimentação e recomendação para que seja evitada a possibilidade de manipulação dos produtos a serem comercializados pelo público em geral.

+ Leia mais: Deslizamento de terra impede acesso ao Ferry Boat no litoral paranaense

O Instituto Municipal do Turismo disponibiliza cartazes com orientações para prevenção ao coronavírus. O horário de funcionamento da feira é das 9hs até às 14 horas