Em pouco mais de um mês da pandemia de coronavírus em Curitiba, a Guarda Municipal (GM) já fez 355 orientações para a população evitar aglomerações nas ruas e espaços públicos, como parques e praças. De acordo com a corporação, cujos agentes estão trabalhando de máscaras, em muitos casos há resistência dos cidadãos. Principalmente nas filas de bancos e lotéricas.

No entorno de bancos e lotéricas, grandes filas têm se formado do lado de fora, já que o acesso de clientes no interior das agências está limitado. Somado a isso, há o grande movimento de pessoas comum no começo do mês, para pagar contas e receber benefícios, junto com as pessoas que estão buscando o auxílio de R$ 600 do governo federal durante a pandemia.

LEIA MAIS – Medo de quebrar faz parte do comércio de Curitiba reabrir apesar do coronavírus

Por causa disso, semana passada a Guarda Municipal reforçou o aviso sonoro no entorno dos bancos. Na mensagem transmitida pelas viaturas vai o alerta para as pessoas manterem a distância mínima de 1,5 m entre umas e outras. “As pessoas não querem deixar a fila espaçada com medo de alguém chegar e entrar na frente delas. Nesse caso, tem que insistir um pouco até todos compreenderem”, aponta o inspetor da GM Carlos Celso dos Santos Jr.

Os guardas municipais também têm orientado a população pela cidade toda com abordagens diretas, principalmente nos parques.

“Fomos intensificando e aprimorando as abordagens e orientações ao longo das semanas. No geral, as pessoas compreendem o nosso pedido para o isolamento”, afirma Celso dos Santos.

Orientações

Ainda segundo a GM, só em março, desde que o isolamento começou, a GM fez 185 orientações. Em abril, até a manhã desta segunda-feira (13), foram 170. Equipes de guardas também já gravaram vídeos com mensagens de apelo para quem pode ficar em casa, só saindo quando houver extrema necessidade e pelo tempo mais breve possível.

+ Leia mais“Não sei como peguei coronavírus. Fiquem em casa!”, apela jornalista que foi pra UTI

“Em um primeiro momento, foram gravadas mensagens específicas para serem transmitidas em praças e parques. Agora, nesta semana, com os pagamentos, o que sai dos avisos sonoros também menciona a necessidade de manter a distância nas filas, principalmente em bancos e casa lotéricas”, explica o inspetor.

Vale destacar que a Polícia Militar, Corpo de Bombeiros e agentes da Superintendência de Trânsito também atuam nas ruas e locais públicos para dar orientações aos cidadãos.