Um casal foi executado com tiros na cabeça, na frente dos filhos pequenos, por volta das 16h30 de ontem, no Atuba, em Colombo. Hélio da Silva, 29 anos, e a mulher, identificada apenas como Teresa, pararam numa borracharia, na esquina da Rua Abel Scuissiato com a Rua Arariboia, e foram surpreendidos por um indivíduo que chegou numa motocicleta.

O rapaz cumprimentou o casal, afastou as crianças e atirou contra as vítimas, que morreram na hora. O casal chegou na Parati placa AAK-4513 para consertar um dos pneus, e um funcionário da borracharia realizava o serviço, quando o motoqueiro chegou.

“Só vi que o homem se aproximou, cumprimentou os dois, falou alguma coisa que eu não entendi e começou a atirar”, disse o rapaz. O funcionário correu para dentro da borracharia e não percebeu as características da moto nem viu se havia mais alguém no veículo. Os filhos do casal, de um ano e meio e 10 anos, foram acolhidos por vizinhos.

Suspeitas

Conhecidos das vítimas relataram que o casal morava no Monte Castelo. O sargento Caron, do 17.º Batalhão da Polícia Militar, contou que a Parati está em situação normal.

A polícia descobriu que Hélio tinha desavença com um indivíduo conhecido como “Nino”, que mora na Vila Zumbi dos Palmares. Porém, não confirmou se essa rixa tem ligação com o crime. Também foi apurado que Hélio era suspeito de um homicídio recente na região e tinha dois mandados de prisão em aberto, por roubo, em Santa Catarina.