As aglomerações irregulares continuam ocorrendo em Curitiba, mesmo com o decreto municipal da bandeira amarela em vigor na pandemia de coronavírus. Entre a noite de sexta-feira (10) e a madrugada de sábado (11), cinco pontos comerciais da capital foram fechados pelas equipes da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU). Também foram dispersadas 848 pessoas de aglomerações. As equipes, coordenadas pela Polícia Militar (PM), apreenderam cigarros, essências de narguilé e bebidas alcoólicas contrabandeadas.

Ao longo da operação foram fiscalizados 10 pontos comerciais nos bairros Prado Velho, Hauer, Santa Cândida, Boa Vista, Boqueirão, Centro Cívico e Centro. Em cinco locais, os agentes municipais constataram irregularidades e desrespeito às normas de enfrentamento ao coronavírus – por isso foram fechados. Também foram aplicadas 26 autuações administrativas e multas que chegaram a R$ 400 mil.

LEIA TAMBÉM:

>> Falha elétrica na Sanepar causa falta de água em 11 bairros de Curitiba neste sábado

>> Feijão custando entre R$ 7 e R$ 8 o quilo? Poderia estar bem mais barato. Entenda!

Em um dos pontos abordados, no Boqueirão, a AIFU localizou uma aglomeração de cerca de 300 pessoas que não usavam máscara contra o coronavírus. O público foi dispersado e o responsável pelo local encaminhado para assinar um Termo Circunstanciado.

Houve ainda outros pontos de aglomeração na cidade. No São Francisco, dois bares abordados pelos policiais militares e agentes municipais estavam com público de cerca de 70 pessoas cada um. O número, segundo as equipes, estava acima da capacidade permitida na pandemia. Ambos foram fechados e os frequentadores dispersados.

Um deles foi autuado pelo município em R$ 11.803,46 por desvirtuamento de ramo no alvará (não poderia ter atividade de música), além de mais uma multa de R$ 5 mil reais por não ter licença ambiental para equipamentos de som. O outro bar foi autuado pelos órgãos municipais em R$ 10 mil por não controlar o distanciamento social.

A AIFU também esteve em uma casa noturna no Prado Velho, onde havia cerca de 200 pessoas. O estabelecimento foi fechado e autuado pelo município em R$ 100 mil por não controlar o distanciamento e em mais R$ 5 mil por não ter licença ambiental. Já no Boa Vista, um bar foi autuado em R$ 10 mil e dispersado um grupo de 20 pessoas.

Em dois bares, nos bairros Boa Vista e Hauer, os policiais militares encontraram produtos contrabandeados. Ao todo, foram apreendidos 18 maços de cigarros, 11 essências de narguilé e 10 bebidas alcoólicas. Os produtos foram encaminhados à Receita Federal para as medidas cabíveis.

Web Stories

Gigante!!

Nova Havan será quatro vezes maior que a loja que será abandonada em Curitiba

Você sabia?

Cinco curiosidades sobre Curitiba que nem o curitibano raiz vai saber dizer!

Malhação Sonhos

Nat impede que Duca enfrente Lobão

Lindas!

Cinco árvores exóticas e raras de Curitiba