O frio começa a dar trégua em Curitiba, mas não por muito tempo. A partir da próxima quinta-feira (29), a vinda de uma nova massa de ar frio pode fazer a temperatura despencar e chegar a casas negativas, segundo informações do Simepar.

Antes da friaca, a passagem de uma frente fria traz a chance de chuva moderada, que podem acumular até 44 mm, aliviando a estiagem presente na região e a situação dos reservatórios da Sanepar em Curitiba e RMC.

LEIA TAMBÉM:

>> É dose! Foragido da Justiça se dá mal e é preso na fila da vacinação em Curitiba

>> Impressionante! Viga de metal invade ônibus após batida com caminhão em Curitiba

O frio da semana que vem pode ser até mais intenso, se comparado com as baixas temperaturas dos últimos dias. “Teremos um declínio razoável de novo. Como a atmosfera atual tem o frio como característica, o frio atual pode potencializar o comportamento da nova massa de ar. Mas a massa de ar frio vem depois da chuva, que em alguns pontos pode chegar de forma razoável”, revela o meteorologista Fernando Mendes, do Simepar.

A frente fria é como um parachoque, uma região de fronteira entre uma massa de ar mais aquecida e outra com ar mais frio. “É justamente nessa região de fronteira que gera instabilidade. A medida que a massa de ar frio avança, ela empurra esse sistema. A chuva antecede essa condição de resfriamento”, explica.

Na próxima quarta-feira (28), a previsão é chuva moderada, que pode acumular 44 mm. Logo após a chuva, a temperatura despenca. Na quarta mesmo, a mínima pode chegar aos 2ºC. Mas o frio mesmo alcança o auge na sexta-feira (30), podendo chegar aos -2ºC. Prepare as cobertas, porque há chances de geada na quinta, sexta e sábado da próxima semana (29, 30, e 31).