No último sábado, os clientes do supermercado Condor, do bairro Bom Retiro, em Curitiba, ficaram surpresos por conta de uma manifestação no interior do estabelecimento.

Os funcionários do supermercado fizeram uma paralisação e protestaram contra um possível assédio moral que estão sofrendo nos últimos dias e contra as condições de trabalho no local.

De acordo com os trabalhadores, são servidos alimentos vencidos no refeitório dos funcionários. Por meio de uma nota, a assessoria do Condor deu a sua versão dos fatos.

Confira abaixo:

O Condor Super Center lamenta os fatos ocorridos em 07/03/2015 e vem por meio desta nota informar que as reclamações feitas por alguns dos 650 colaboradores da loja Nilo Peçanha, localizada no bairro Bom Retiro, em Curitiba, não condizem com a conduta da empresa e que todos os fatos expostos por eles estão sendo apurados e analisados para que sejam tomadas as devidas providências e eventuais problemas sejam sanados.

O Condor destaca que sempre prima pelo bem estar dos seus colaboradores e que possui vários programas internos que valorizam e contribuem para o crescimento profissional da sua equipe. A rede reafirma o compromisso com seus colaboradores de estar aberta para o diálogo, bem como com seus clientes para melhor atendê-los.

O Condor Super Center vem no decorrer desses 40 anos de história se consolidando como uma empresa séria e com princípios éticos e morais bem definidos. A rede, que possui hoje 40 lojas e emprega mais de 11.000 pessoas, tem como premissa manter sempre um bom relacionamento com os seus colaboradores, além de estar sempre aberta a reivindicações e reclamações de sua equipe.