A Receita Estadual está apertando o cerco contra as empresas de bebidas que sonegam impostos, dentro da Operação Dose Certa. O setor é um dos que mais sonega impostos, inclusive com empresas de fachada e emissão de notas falsas. O segmento representa 7,5% da arrecadação de Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) no Paraná.

LEIA+ Bullying leva governo do Paraná a pagar indenização a aluna de Pinhais

Até sexta-feira (6), o total de multas aplicadas em empresas de bebidas acumulava quase R$ 18 milhões. Só na fiscalização de 19 estabelecimentos semana passada, foram emitidos quase R$ 320 mil em multas. Em Curitiba, foram oito autos de infração, em um total de R$ 100 mil. Entre as irregularidades na capital, estava uma carga de 300 caixas de cerveja e 10 barris de chope transportada sem nota fiscal.