A forte chuva desta manhã desta segunda-feira (16), deixou rastros e estragos em cidades da Região Metropolitana de Curitiba. Em Campo Largo, a Defesa Civil confirmou que casas foram danificadas devido ao granizo. Não há informações sobre feridos ou desabrigados.

+Web Stories Chuva em Curitiba nesta segunda. Mas há uma luz no fim do túnel!

Em Colombo, também na RMC, também foi registrado de forma intensa o fenômeno ( ver vídeo). Em  Balsa Nova, vários locais foram afetados pela chuva com pedras de gelo. Ruas, estacionamentos e telhados ficaram cobertos de granizo. Uma região de chácaras em Colombo, na Colônia Faria, teve registro intenso de granizo. Imagens mostram o gramado tomado pelo gelo (acima).

Segundo o Simepar, a formação deste fenômeno está associada às nuvens cumulonimbus, nuvens que têm grande desenvolvimento vertical. “Quando o ambiente atmosférico apresenta uma camada de ar quente e muito úmido próximo da superfície e ar seco e frio logo acima, pode haver formação de granizo. Essa condição de tempo foi/está sendo verificada desde o início da madrugada”, explicou o Simepar à Tribuna.

Raios e trovoadas

Após raios, trovoadas e chuva durante a madrugada, o granizo também chegou em Curitiba. O registro do fenômeno foi verificado com mais intensidade nos bairros Cajuru, Uberaba e Jardim das Américas por volta das 8h25. No restante da cidade a chuva chegou firme e forte.

Além do Cajuru, houve registro de granizo também no Uberaba, Jardim das Américas, Mossungue. O tempo em Curitiba está ganhando destaque nesta segunda-feira. Apesar do granizo, raios e trovões, a cidade está numa expectativa de temperaturas dignas de verão, com máxima de 29ºC na quinta-feira (19). No Bairro Alto, por exemplo, o tempo fechou e a chuva chegou forte, mas sem ocorrência de granizo.

Pantanal

Juma atira nos pés de Jove

Loterias

Veja o resultado das loterias desta terça-feira!

Inverno Chegou

Veja como será o primeiro dia de inverno em Curitiba

Além da Ilusão

Lorenzo declara seu amor por Letícia