Suspeito de envolvimento em roubos e furtos de veículos, o guardador de carros João Cleiton Icz, 28 anos, foi preso em flagrante, anteontem, no Boa Vista. Ele estava com o Peugeot 207, sem placas, que havia sido tomado de assalto por dois indivíduos, em 20 de setembro, no Bacacheri. O rapaz alegou inocência e disse que comprou o carro por R$ 1 mil.

“Realizamos operações para coibir os furtos e roubos de veículos nos bairros Ahu, Juvevê, Cabral e Boa Vista, e, nas investigações, chegamos até João, que seria guardador de carros da região”, disse o delegado do 4.º Distrito Policial, Vinicius Augusto de Carvalho. A polícia descobriu que havia um carro roubado na pensão, na Rua Nossa Senhora de Nazaré, onde morava o suspeito. “Confirmamos a informação e João foi preso em flagrante por receptação”, disse o delegado.

Vários acessórios do Peugeot haviam sido retirados, mas o detido não soube dizer com quem estão. Ele afirma que comprou o veículo há cerca de duas semanas, por R$ 1 mil, e já estava “depenado”.

Suspeitas

A polícia investiga se João é apenas receptador ou se também está envolvido em roubos e furtos. “Vamos apurar se ele aproveitava o trabalho como guardador de carros para passar informações aos bandidos ou se efetivamente participava dos crimes”, disse o delegado. João não tinha antecedentes criminais. Caso alguém reconheça o suspeito, pode entrar em contato com o 4.º DP pelo telefone (41) 3236-1824.