Moradores da Rua João Gilberto Justus, no Santa Quitéria, em Curitiba, reclamam que estão sem água desde a última quarta-feira (16). Segundo um dos moradores, o abastecimento começou a perder pressão aos poucos e, desde então, não retornou mais. A informação é de que foram abertos protocolos de reclamação na Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar), mas, até a tarde desta segunda-feira (21), o problema ainda não havia sido solucionado.

“Entramos em contato com a Sanepar inúmeras vezes. Um representante veio até o local, mas não resolveu nada. Temos incontáveis protocolos e nada de água”, reclama o corretor de imóveis Luiz Fernando, 44 anos, morador da Gilberto Justus. Ele até gravou um vídeo mostrando o relógio sem água na casa dele.

+ Leia mais: Fuligem misteriosa em Araucária, na RMC, preocupa. Qual é o motivo?

Ainda conforme Luiz Fernando, outros vizinhos também já abriram chamados e a conversa entre eles nos últimos quatro dias tem sido sobre a saudade do rodízio programado da Sanepar que foi instituído com a estiagem dos últimos dois anos. “Já estamos com saudade do rodízio porque, pelo menos, havia um cronograma de abastecimento. Agora, acabou o rodízio e a água também”, apontou o morador.

Como já foi informado na Tribuna, a Sanepar suspendeu o rodízio programado em Curitiba com o aumento nos níveis dos reservatórios que abastecem a região.

E aí, Sanepar?

Procurada pela reportagem, em nota a a Sanepar informou que “houve rompimento de rede em dois pontos diferentes, por isso demorou um pouco o conserto”. Segundo a companhia, o abastecimento já está em recuperação na região.

Pantanal

Zuleica não aceita morar na fazenda com os filhos

Além da Ilusão

Davi expulsa Iolanda de casa

Novidades da Netflix

Filmes e séries que chegam à Netflix nesta semana

Estreia da semana

5 curiosidades sobre “O Telefone Preto”