Um homem que não portava documentos foi encontrado morto no Tatuquara, na noite de terça-feira (07), dentro de um carro que já era procurado pela Polícia Militar por ser utilizado em pelo menos três roubos na região da Vila Sandra, Cidade Industrial de Curitiba.

Por volta das 23h, pessoas que passavam pela Rua Evilásio Augusto Blair acharam estranho o Vectra cinza, placas COH-7016, parado com o pneu dianteiro esquerdo sobre o canteiro central.

A Polícia Militar foi acionada e encontrou dentro do veículo um rapaz de aproximadamente 20 anos, morto com três tiros na cabeça e um na virilha. Ele estava sentado no banco do motorista, ainda preso pelo cinto de segurança.

O local onde o carro parou não tem casas por perto, e a equipe da Delegacia de Homicídios não encontrou nenhuma testemunha do crime. Os policiais militares que atenderam a ocorrência acreditam que o assassino estava dentro do carro com a vítima.

O rapaz não foi identificado. Ele era branco, tinha cabelos escuros e olhos castanhos, e vestia bermuda, camiseta e blusa de moleton, todos da cor cinza, e um tênis Nike também cinza, com detalhes em laranja. Ele usava aliança. Peritos do Instituto de Criminalística recolheram pelo menos dois estojos de pistola calibre 9 milímetros.

De acordo com o tenente Oziris, testemunhas anotaram a placa deste Vectra saindo de pelo menos três empresas roubadas na região da Vila Sandra, na CIC. A altura e as roupas do rapaz morto são parecidas com a descrição do assaltante, feita pelas vítimas dos roubos.