O ex-presidiário Márcio Eliseu Cubas, 40 anos, foi baleado, na tarde de ontem, na frente de casa, no Novo Mundo. Enquanto Márcio era socorrido pelo Siate, parentes e amigos da vítima partiram para cima do cinegrafista de um portal de notícias. Os policiais militares precisaram intervir para conter os ânimos exaltados dos familiares, que queriam pegar a câmera do profissional. A vítima foi levada em estado grave ao Hospital do Trabalhador.

Segundo o sargento Roberval, do 13.º Batalhão da PM, Márcio estava dentro de um Vectra, parado na frente de casa, na Rua Clara Polsin, quando um motociclista passou atirando. Quando o Siate e as viaturas da PM chegaram ao local Márcio já havia sido retirado do carro por parentes. “Pela temperatura do motor, presume-se que ele estava chegando em casa quando foi baleado”, supôs o policial.

Passagens

Três tiros acertaram a lataria do carro e um as costas da vítima, segundo o policial. O PM ainda contou que Márcio já esteve preso por furto e tráfico. Em junho de 2010, ele e duas pessoas foram presas durante a Operação Vibe, da Divisão Estadual de Narcóticos (Denarc), que apreendeu pouco mais de um quilo de cocaína pura e armas. A droga seria distribuída em festas rave na região de Curitiba. Márcio portava 50 gramas da droga.