Dois padres e dois missionários do Santuário do Perpétuo Socorro de Curitiba tiveram testes positivos para covid-19 sábado (4). Um dos padres está internado em estado estável no Hospital Marcelino Champagnat e os demais religiosos seguem em isolamento residencial na própria paróquia.

“Às 22h deste sábado iniciamos uma vigília em oração por esses servos de Deus que não medem esforços para levar o Cristo até nós. Em sua casa, reze conosco pela recuperação da saúde de toda a Comunidade Redentorista”, pede o santuário em suas mídias sociais.

VIU ESSA? – Visita do papa João Paulo II a Curitiba mobilizava multidão há 40 anos. Lembre em fotos!

A igreja, no bairro Alto da Glória, é uma das que mais reúne fiéis nas novenas das quartas-feiras, que assim como todas as outras cerimônias religiosas estão suspensas por decreto do governo estadual para conter o avanço do coronavírus. Entretanto, por causa dos quatro casos confirmados, a igreja está fechada para visitação desde sábado.

O Santuário do Perpétuo Socorro está sem celebrar suas tradicionais novenas e missas com a participação dos fiéis desde o início da pandemia, em março, para evitar contágio pelo novo coronavírus. Desde então, as cerimônias são celebradas pela internet, transmitidas pelas mídias sociais da paróquia.

Sábado, mesmo dia do anúncio de contágio na Perpétuo Socorro, Curitiba confirmou mais dez mortes por covid-19, totalizando 182 óbitos desde o início da pandemia. Ainda de acordo com o boletim epidemiológico municipal de sábado, a capital soma 6.487 pacientes infectados por coronavírus.


A Tribuna precisa do seu apoio! 🤝

Neste cenário de pandemia por covid-19, nós intensificamos ainda mais a produção de conteúdo para garantir que você receba informações úteis e reportagens positivas, que tragam um pouco de luz em meio à crise.

Porém, o momento também trouxe queda de receitas para o nosso jornal, por isso contamos com sua ajuda para continuarmos este trabalho e construirmos juntos uma sociedade melhor. Bora ajudar?