Terminam nesta segunda-feira (9) as inscrições para o processo seletivo do Cursinho Solidário, em Curitiba. O projeto tem o objetivo de dar a oportunidade de ensino gratuito aos estudantes que não possuem condições financeiras suficientes para bancar um cursinho pré-vestibular particular.

Para participar, o candidato deve ter completado ou estar terminando o Ensino Médio em 2019, possuir renda de até um salário mínimo por pessoa da família e ter estudado em escola pública (ou em escola particular com bolsa integral).

O Cursinho Solidário já aprovou mais de 1.300 alunos em diversas universidades do Brasil. Com corpo docente altamente capacitado de professores voluntários e material de qualidade, o projeto busca realizar o sonho de muitos brasileiros: o ingresso à universidade. Para 2020, são disponibilizadas mais de 300 vagas para as turmas do Extensivo, que têm início no dia 03 de fevereiro.

Os interessados terão que passar por duas etapas. A primeira é uma prova objetiva, no dia 15 de dezembro. A segunda fase, entre os dias 13 e 17 de janeiro, é uma entrevista socioeconômica, que aborda questões como histórico familiar, vida acadêmica, expectativas e objetivos do candidato em relação ao curso. O conjunto da média da prova e avaliação da entrevista dará a classificação final do processo seletivo.

Idealizado e coordenado pela ONG Formação Solidária, o Cursinho Solidário existe há 15 anos e conta com a parceria da Editora Positivo e do Curso Positivo. As aulas acontecem na sede Batel do Curso Positivo, em Curitiba.

As inscrições são realizadas exclusivamente por meio do site www.cursinhosolidario.org.br. Mais informações pelos telefones (41) 3234-2363 ou WhatsApp: (41) 9 8839-4314.