Internado com covid-19, o vereador Serginho do Posto (DEM) está em estado estável, “reagindo bem, dentro do quadro em que encontra”. A informação sobre o estado de saúde do vereador foi divulgada na manhã desta quarta-feira (24), por sua assessoria. Ainda de acordo com a equipe do parlamentar, Serginho segue com uso de oxigênio, mas não precisou ser transferido para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI). “(Ele) Fez medicação específica agora e aguarda os efeitos”, diz o comunicado.

LEIA MAIS – Hospital de Clínicas ativa novos leitos contra covid-19 após doações de associação

O vereador está hospitalizado em um quarto do Hospital Santa Cruz, em Curitiba, desde a noite do último domingo (21), devido às complicações causadas pela covid-19. A esposa de Serginho, Angelina, também foi contaminada pelo vírus, mas segue em casa. 

LEIA AINDA – Ratinho Junior decreta luto oficial após marca de 15 mil mortes pela covid-19 no Paraná

Segundo informações da Câmara Municipal de Curitiba (SMS), Serginho é o quarto vereador a ser contaminado em 2021. Ano passado, Jairo Marcelino, morreu aos 77 anos devido às complicações do coronavírus.

Covid-19 e vereadores de Curitiba

Outros vereadores tiveram covid-19 neste ano e estão recuperados. O vereador Márcio Barros (PSD) e a Sargento Tânia Guerreiro (PSL), que apresentou maiores dificuldades, mas está bem. Em 2020, oito vereadores foram atingidos – Bruno Pessuti (Podemos), Mauro Bobato (Podemos), Mestre Pop (PSD), Marcos Vieira (PDT), Sabino Picolo (DEM), Noemia Rocha (MDB), Cristiano Santos (PV) e Jairo Marcelino (PSD) foram infectados. 

Cristiano Santos chegou a ser intubado e ficou 62 dias internado. Já Jairo Marcelino, não resistiu às complicações e faleceu no dia 20 de outubro. Ele era o vereador mais longevo, com 37 anos ininterruptos de mandato. Os vereadores Marcelo Fachinello (PSC) e Alexandre Leprevost (Solidariedade) também foram infectados, mas em 2020, quando ainda não tinham assumido a CMC.