Três tiros tiraram a vida de André Borba Rocha, 25 anos, conhecido como “Seco”, à 1h30 de ontem, na Rua Monsenhor Francisco Gorski, no Bairro Popular Nova, em Campo Largo. Ele foi socorrido pelo Siate, mas morreu logo depois de dar entrada no pronto-socorro.

O superintendente Jucelino, da delegacia de Campo Largo, contou que “Seco” era irmão de um policial militar. “O rapaz era usuário de drogas e na hora do tiroteio ele estava com outras pessoas. É possível que estivesse em companhia do assassino e por um desacerto foi ferido”, explicou.

Testemunhas contaram para a polícia que o rapaz, para manter o vício, estava praticando pequenos furtos e roubos. “Recebemos informações que algumas pessoas ligadas à vítima ameaçaram vingança.”