O Ministério Público do Paraná, por meio da Promotoria de Justiça e Proteção ao Meio Ambiente de Curitiba, ofereceu denúncia por maus-tratos contra um homem de 19 anos que matou a cachorra de sua vizinha, no bairro Cidade Industrial.

LEIA TAMBÉM:

>> Jovem que sonhava ser prefeito de Curitiba volta pra casa após viajar 370 km sozinho

>> Fiscalização em Curitiba resulta em R$ 325 mil em multas neste último sábado

De acordo com a denúncia, no dia 12 de outubro, o rapaz teria atirando no animal com uma espingarda de pressão. A cadela, que tinha dado cria cerca de duas semanas antes e ainda amamentava os filhotes, não resistiu e morreu baleada.

Desde 29 de setembro do ano passando, quando a Lei Sansão foi aprovada e alterou de dois para cinco anos de reclusão e multa a pena para o crime de maus-tratos contra cães e gatos, a Promotoria de Justiça já ofereceu 21 denúncias, sete delas foram arquivadas.

Web Stories

A Usurpadora

Santiago ameaça “Paola” com um revólver

Humm!

Quatro opções de café da manhã de hotel em Curitiba

Império

Começa o desfile da Unidos de Santa Teresa

Esporte

Aprenda a jogar Tênis de graça em Curitiba