Guardas municipais, num patrulhamento de rotina pelo bairro Butiatuvinha, se depararam com uma situação inusitada no fim da noite de segunda-feira (25). Um motociclista estava fazendo malabarismo e equilibrando-se somente com uma roda, o popular “cavalinho de pau” – infração de trânsito de natureza gravíssima.

Mesmo com sinal sonoro e luminoso da viatura, o condutor da moto não acatou a ordem de parada e tentou fugir dos guardas. Exibicionista, ele chegou a deitar sobre o tanque da moto.

LEIA TAMBÉM:

>> Advogado não quer “juízo antecipado” de PMs que feriram mulher em Curitiba

>> Guardas municipais de Curitiba vão começar a usar câmeras de corpo e nas viaturas

Ao entrar na Avenida Manoel Ribas, ele perdeu o controle da moto e caiu. Mesmo após a queda, continuou agitado e precisou ser contido pelos guardas, que chamaram apoio do Grupo de Trânsito (GTran) da corporação.

O jovem, de 18 anos, não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e esta foi a segunda vez que foi flagrado pela fiscalização de trânsito. O pai dele foi chamado até o local para a liberação do rapaz. Já a moto foi removida ao pátio da Superintendência de Trânsito (Setran), por falta de condutor habilitado para o veículo.

Além de aplicar a infração pela condução perigosa, foi efetuada multa por dirigir veículo sem habilitação, permissão ou autorização para ciclomotor, conforme previsão no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Pantanal

Bruca não gosta da presença de Marcelo

Instagramáveis

Saiba onde encontrar as lindas cerejeiras em Curitiba

Novidades da Netflix

Volume 2 de Stranger Things 4 e mais séries e filmes chegam nesta semana

Além da Ilusão

Davi descobre o esquema de Joaquim