Guardas municipais, num patrulhamento de rotina pelo bairro Butiatuvinha, se depararam com uma situação inusitada no fim da noite de segunda-feira (25). Um motociclista estava fazendo malabarismo e equilibrando-se somente com uma roda, o popular “cavalinho de pau” – infração de trânsito de natureza gravíssima.

Mesmo com sinal sonoro e luminoso da viatura, o condutor da moto não acatou a ordem de parada e tentou fugir dos guardas. Exibicionista, ele chegou a deitar sobre o tanque da moto.

LEIA TAMBÉM:

>> Advogado não quer “juízo antecipado” de PMs que feriram mulher em Curitiba

>> Guardas municipais de Curitiba vão começar a usar câmeras de corpo e nas viaturas

Ao entrar na Avenida Manoel Ribas, ele perdeu o controle da moto e caiu. Mesmo após a queda, continuou agitado e precisou ser contido pelos guardas, que chamaram apoio do Grupo de Trânsito (GTran) da corporação.

O jovem, de 18 anos, não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e esta foi a segunda vez que foi flagrado pela fiscalização de trânsito. O pai dele foi chamado até o local para a liberação do rapaz. Já a moto foi removida ao pátio da Superintendência de Trânsito (Setran), por falta de condutor habilitado para o veículo.

Além de aplicar a infração pela condução perigosa, foi efetuada multa por dirigir veículo sem habilitação, permissão ou autorização para ciclomotor, conforme previsão no Código de Trânsito Brasileiro (CTB).

Web Stories

Novidades!

Veja o que chega na Netflix nesta semana

Boooooo!

Halloween: veja como fazer uma abóbora, maquiagem e fantasias para a festa

Tragédia

Conheça 5 acidentes que aconteceram dentro de um set de filmagens

Pega Pega

Siqueira afirma que Timóteo é o quarto ladrão do hotel