A Justiça determinou nesta sexta-feira (20) que o acusado de matar a jovem youtuber Isabelly Cristine Domingos dos Santos deverá ser julgado pelo Júri Popular, em Pontal do Paraná. A juíza de direito do município, Cristiane Dias Bonfim, agendou o julgamento para o dia 7 de março de 2022. O réu Éverton Vargas aguarda o julgamento em prisão domiciliar.

A jovem Isabelly tinha 14 anos quando foi baleada na cabeça. Ela voltada de um de seus trabalhos no Litoral quando foi atingida por um tiro na testa. O crime aconteceu em fevereiro de 2018.

LEIA TAMBÉM:

>> Por que aviões-caça sobrevoam Curitiba? O motivo está a 81 km da capital

>> Mais uma baleia encalhada no Litoral do PR? Pesquisadores apontam aquecimento global

O boletim de ocorrência, que foi registrado logo depois da situação, informou que um desentendimento no trânsito teria sido o motivo dos disparos. A confusão aconteceu na PR-412, estrada que liga os balneários, e os atiradores estariam num Citroën Xsara Picasso.

Segundo a família, que estava com Isabelly no momento dos disparos, alguns tiros foram direcionados, mas um deles atingiu a cabeça da menina. Com a adolescente ferida, a família seguiu até um ponto, no balneário de Ipanema, onde encontrou uma viatura da PM e pediu socorro. Isabelly foi levada ao Pronto Socorro em Pontal do Paraná e depois encaminhada ao Hospital Regional do Litoral, que fica em Paranaguá, onde os médicos constataram a morte cerebral.

Web Stories

Gigante!!

Nova Havan será quatro vezes maior que a loja que será abandonada em Curitiba

Você sabia?

Cinco curiosidades sobre Curitiba que nem o curitibano raiz vai saber dizer!

Malhação Sonhos

Nat impede que Duca enfrente Lobão

Lindas!

Cinco árvores exóticas e raras de Curitiba