Desenvolvido pelas Empresas de Ônibus de Curitiba, o projeto social Linha Solidária completa, nesta quarta-feira (30), dois meses de operação na capital paranaense. Com o objetivo de ajudar a quem mais precisa, a iniciativa, que teve início durante a pandemia da covid-19, transporta donativos para famílias em situação de vulnerabilidade social, que vivem em Curitiba e Região Metropolitana.

“Estamos muito felizes com o resultado desses 60 dias, e isso nos anima a seguir em frente. Queremos que os próximos dois meses sejam ainda melhores. Que a gente possa, nessa corrente de solidariedade, amenizar as dificuldades daqueles que mais precisam”, diz o representante das Empresas de Ônibus de Curitiba e um dos idealizadores do projeto, Gelson Forlin.

+ Leia mais: Estudante faz vaquinha para pagar mensalidade e se formar médica em Curitiba

Nesse período, mais de 45 toneladas de cestas básicas, alimentos, kits de higiene e roupas foram transportadas gratuitamente para atender famílias carentes. “Você que representa uma entidade e tem uma grande doação, nos procure. Nós queremos ajudar você a ajudar outras pessoas”, afirma Forlin.

Entidades sociais, ONGs, grupos de amigos que conseguiram arrecadar uma grande quantidade de doações e não tenham condições de realizar o transporte até o destino podem entrar em contato com o Sindicato das Empresas de Ônibus de Curitiba (Setransp), pelo telefone (41) 3264-6767, e agendar a solicitação do veículo.