O acordo para venda de lojas da rede supermercadista Extra ao Assaí, do segmento de atacarejos, foi anunciado na última quinta-feira (14), mas o Gupo Pão de Açúcar, que era detentor da marca, ainda faz mistérios sobre as lojas de Curitiba. A empresa não informou se as duas unidades do Extra no Paraná, ambas na capital, fazem parte da negociação de R$ 5,2 bilhões anunciada na última semana.

Em comunicado na quinta-feira, o Grupo Pão de Açúcar informou que vendeu 71 pontos comerciais do Extra Hiper no Brasil. Não é a totalidade das operações, já que o grupo permacerá no comando de 32 outras lojas. Porém, a maior parte das unidades remanescentes serão convertidas para outras bandeiras do grupo, como Pão de Açúcar ou Mercado Extra (um formato de loja menor, mas parecido com supermercados de bairro). Uma parte será fechada. O grupo foi questionado pela Gazeta do Povo sobre as lojas de Curitiba.

+ Leia mais: Moradora de Colombo acusa médicos e enfermeiros de agressão; servidores fazem BO

Ambas as unidades em Curitiba, nos bairros Água Verde e Alto da XV, são da bandeira Extra Hiper, que será encerrada. O Grupo Pão de Açúcar não revela, no entanto, se elas estão no bolo que se tornará novas unidades do Assaí ou no conjunto que será convertido em outras marcas do próprio grupo.

“A lista de unidades envolvidas na negociação será divulgada em uma nova oportunidade, assim que estas informações sejam disponibilizadas ao mercado. Das lojas não envolvidas no negócio, 28 serão convertidas em Pão de Açúcar e Mercado Extra e quatro serão descontinuadas”, disse a empresa, via e-mail, à reportagem da Gazeta.

A negociação é mais uma das grandes movimentações supermercadistas – e com forte impacto no Paraná – neste ano, como a compra do BIG pela rede francesa Carrefour.

Web Stories

Pega Pega

Sérgio avisa a Erica que o juiz o liberou sob fiança

Humm!

Quatro opções de café da manhã de hotel em Curitiba

Império

Vicente pede Maria Clara em casamento

Esporte

Aprenda a jogar Tênis de graça em Curitiba