O Corpo de Bombeiros foi acionado neste domingo (23), por volta das 14h30, para socorrer mãe e filha vítimas de um ataque de pitbull no bairro Pilarzinho, em Curitiba. Segundo o tenente Venturini, que esteve no local, os ferimentos da mãe, de 57 anos, foram graves. Já a filha, de 24 anos, teve ferimentos moderados.

De acordo com o tenente, o cachorro pertencia à família e tinha histórico de agressividade. “A mãe foi ajudar a filha e acabou sendo atacada também. Em casos assim, o ideal é não se colocar em risco, para não se tornar uma vítima também, e acionar o bombeiro o mais rápido possível”, indica.

+ Leia mais: Policial de folga ajuda a enquadrar baloeiros após queda de balão em condomínio

As vítimas foram encaminhadas para o Hospital Universitário Cajuru que, até o momento da publicação deste material, não tinha atualizações sobre o caso.

Apesar dos ferimentos graves, o Corpo de Bombeiros não sabe informar sobre o estado do braço da mãe. “O ferimento foi grave, mas precisa de uma avaliação médica para responder com mais precisão [sobre uma possível amputação do membro]”, explica o tenente Venturini.