Conjuntos confortáveis para suportar o caos. A descrição da empresa Deito no Instagram não poderia ser mais sincera. Em atividade com uma marca de roupas focada no atacado desde 2015, a designer Lorenza Vieira se viu em meio ao caos com a chegada da pandemia, com pagamentos e pedidos congelados.

Quase pensando em mudar de profissão, teve a ideia de reaproveitar os tecidos que estavam sem utilização para fazer algo que ela mesma procurava: roupas confortáveis para ficar no único lugar possível naquele momento: sua casa.

Após o insight, fez uma rápida pesquisa com amigos e viu que ali estava uma oportunidade. Os primeiros conjuntos, pensados para ela, tiveram seus moldes adaptados para atender às encomendas e foi assim que surgiu a deito.

Hoje, a empresa faz a curadoria de estampas que resultam em peças de modelagens amplas e confortáveis, enviadas dentro de saquinhos de algodão. A marca busca significar uma retomada e um recomeço. Os conjuntos custam entre R$ 199 e R$ 219 e podem ser comprados no site.