Márcia Huçulak pediu exoneração do cargo de secretária municipal da Saúde de Curitiba, que ocupou desde julho de 2017. A exoneração, “a pedido”, será publicada no Diário Oficial do município desta sexta-feira (1º).

A superintendente executiva da pasta, Beatriz Battistella Nadas, assume a secretaria, onde vem atuando ao longo de toda gestão de Huçulak – o que inclui o período em que a cidade enfrentou a pandemia de covid-19.

LEIA TAMBÉM:

>> Secretários de saúde Beto Preto e Márcia Huçulak candidatos em outubro? Entenda!

>> Moro vai se filiar à União Brasil em SP e admite desistir de disputa à Presidência

A nova secretária é formada em odontologia pela Universidade Federal do Paraná, com mestrado em Gestão em Tecnologia e Inovação em Saúde pelo Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Sírio Libanês, além de especializações nas áreas de odontopediatria e de saúde coletiva. Nadas é servidora aposentada do município, atua há 36 anos na Prefeitura de Curitiba.

Segundo nota enviada pela prefeitura, Márcia Huçulak vai continuar colaborando com o município como assessora do prefeito Rafael Greca.

Pré-candidatura

O principal motivo de Huçulak deixar o cargo de secretária da Saúde seria sua pré-candidatura como deputada estadual pelo PSD. O grande destaque no enfrentamento da pandemia da covid-19 fez com que a secretária e também o secretário estadual Beto Preto topassem encarar as urnas nas eleições de outubro.

Para disputar as eleições, Márcia teria que deixar o cargo até esta sexta-feira (1°), cumprindo o prazo de desincompatibilização seis meses antes da eleição, como exige a legislação eleitoral.

Pantanal

Juma atira nos pés de Jove

Loterias

Veja o resultado das loterias desta terça-feira!

Inverno Chegou

Veja como será o primeiro dia de inverno em Curitiba

Além da Ilusão

Lorenzo declara seu amor por Letícia