A prefeitura de Curitiba entregou quinta-feira (19) os prêmios do programa Nota Curitiba. O prêmio principal de R$ 50 mil, foi para o médico Edimar Solanho, enquanto que o prêmio de R$ 20 mil foi para o administrador Julio Cesar Bonio e o de R$ 10 mil para o analista de sistemas Fausto Novaes Chiappin.

As entidades sociais que indicadas pelos ganhadores também foram premiadas. São elas a Liga Paranaense de Combate ao Câncer (Hospital Erasto Gaertner), com R$ 25 mil, Abba Promoção Social (Abbaps), com R$ 10 mil, e Associação Cristã de Assistência Social (Acridas), com R$ 5 mil.

“O programa Nota Curitibana estimula o serviço social, diminui a sonegação e aumenta arrecadação. Com isso, a cidade tem mais verba para aplicar em escolas, obras públicas, investimentos e no custeio da máquina”, afirmou o prefeito Rafael Greca na entrega dos prêmios.

Lançado em 2018, o Nota Curitibana já distribuiu R$ 985 mil em prêmios. O programa possui 62.621 mil participantes cadastrados.Todos os meses o programa distribui um total de R$ 230 mil em prêmios. Também é possível abater até 30% do valor do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) para os participantes.

O Nota Curitibana foi criado para estimular a emissão de notas no setor de serviços, dificultando dessa forma a sonegação de impostos e melhorando a arrecadação do ISS (Imposto sobre Serviços).

Os cadastrados podem indicar uma entidade de assistência social que desenvolva projetos em Curitiba e que também será beneficiada nos três prêmios principais. Para ser indicada pelos cidadãos e concorrer aos prêmios, as instituições devem estar com os cadastros vigentes na Fundação de Ação Social (FAS).

Cope derruba portão e invade terreno de suspeito de envolvimento a explosões de caixas eletrônicos. Veja!