A cidade de Campo Largo, Região Metropolitana de Curitiba, tem novos milagreiros. O espaço antes ocupado apenas pela padroeira da cidade, Nossa Senhora da Piedade, agora será ocupado também por guardas municipais que na tarde desta quarta-feira (25) fizeram um “surdo-mudo” ouvir e falar.

Numa abordagem de rotina na esquina das ruas Xavier da Silva e Domingos Cordeiro, no Centro de Campo Largo, os guardas municipais começaram a trocar ideia com pedinte da região. “Fizemos a abordagem de rotina e ele pareceu muito nervoso, tentando desconversar e meio suspeito. Ao revistarmos encontramos uns bilhetinhos que ele dava aos motoristas”, explicou o guarda Fábio Duarte.

O bilhete era esse aí debaixo. Dá uma lida:

bilhere-surdo-mudo---campo-largoO bilhete dado pelo pedinte aos motoristas. Foto: Divulgação / GM de Campo Largo

Nelson Pinto de Souza Júnior, de apenas 18 anos, se passava por surdo-mudo para tentar levantar um dinheiro como pedinte. “Assim que a equipe fez a abordagem ele conversou com os guardas, ouvia e falava normalmente. Só quando vimos os bilhetes é que entendemos o nervosismo dele. Acho que foi um milagre mesmo”, brincou o guarda.

O “abençoado” foi encaminhado para o 3º Distrito Policial de Campo Largo e será acusado de estelionato. Ele preencheu um termo circunstanciado e deve responder em liberdade. “É um rapaz jovem. Infelizmente já está no mundo do crime”, finalizou o guarda Duarte.