Uma mulher surda-muda, de aproximadamente 40 anos, conhecida por pedir refeições nas casas do Prado Velho, foi vítima de agressão na tarde de ontem, no mesmo bairro. Ela levou pedradas na cabeça e foi encaminhada em estado grave ao Hospital Cajuru. De acordo com a Guarda Municipal, não apareceram testemunhas do crime no local.

Os guardas municipais patrulhavam a Rua Baltazar Carrasco dos Reis, por volta das 15h, quando foram chamados pelos moradores, que avisaram sobre a mulher ferida. De acordo com o guarda municipal Leonilton Souza Ribeiro Neto, eles encontraram a vítima caída e com uma pedra grande sobre a cabeça.

“Ela estava com um corte profundo na cabeça e perdeu parte da orelha. Como sempre, ninguém viu nada”, lamentou Leonilton. A mulher foi atendida pelo Samu e encaminhada ao hospital.