Neste domingo (3) quase 7,6 mil eleitores devem comparecer em nove locais de votação para eleger o novo prefeito e vice de Agudos do Sul, na região metropolitana de Curitiba. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral do Paraná (TRE) a nova eleição ocorrer por determinação da Justiça Eleitoral, uma vez que a candidata eleita em 2020, Luciane Teixeira (MDB), ficou inelegível.

+Viu essa? Ex-policial civil é morto a tiros em bar no Batel após discussão

A candidata teve o registro negado pela Corte do TRE e pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e não chegou a ser diplomada nas Eleições 2020. Quem assumiu foi o vereador Jesse da Rocha Zoellner, presidente da Câmara Municipal de Agudos, que é candidato a permanecer no cargo na votação deste domingo, tendo Antonio Ferreira como candidato a vice-prefeito na chapa “Agudos do Sul na Direção do Progresso“, dos partidos PSD/PP/PODE/PSB/PROS.

Quem também concorre à vaga de prefeito é Diego Teixeira, tendo a Katya da Saúde como vice na chapa “Agudos Feliz de Novo”, dos partidos MDB/PT.

Após o fim da votação, o resultado será divulgado no site do TSE. Quem se eleger ocupa o cargo até o final do mandato considerado nas Eleições 2022, dia 31 de dezembro de 2024.

Pantanal

Juma atira nos pés de Jove

Loterias

Veja o resultado das loterias desta terça-feira!

Inverno Chegou

Veja como será o primeiro dia de inverno em Curitiba

Além da Ilusão

Lorenzo declara seu amor por Letícia