Diego dos Santos Vieira Xisto, 24 anos, conhecido como “Negão do Bambolê”, não teve tempo de se declarar para a garota que gostava. Ele foi assassinado por volta das 2h de ontem, no trilho de trem da Rua Flávio Dallegrave, cruzamento com a Avenida Anita Garibaldi, ao lado do Parque da Barreirinha. Diego foi baleado por dois indivíduos, que abordaram o casal e pediram dinheiro.

Conforme foi apurado pelos policiais militares do 20.º Batalhão, Diego conversava com a garota e iria pedi-la em namoro. Dois rapazes se aproximaram e deram voz de assalto, pedindo o dinheiro das vítimas. Diego disse que não tinha nada e, então, um dos marginais apontou a arma para a menina.

Briga

O jovem, com medo de que ela sofresse alguma violência, partiu para a briga. Houve luta corporal, mas o marginal conseguiu se desvencilhar e atirou. Diego levou dois tiros na cabeça e morreu na hora. Os bandidos fugiram, sem levar nada, e a garota não foi ferida. Segundo a polícia, Diego morava no Jardim Graziela, em Almirante Tamandaré.