Após dias sob alerta e atenção por causa da forte chuva que atingiu a região litorânea do Paraná, municípios da região voltaram à normalidade. A precipitação registrada durante o feriado de Finados, na última terça-feira (2) elevou o nível dos rios Nhundiquara, Marumbi e Pinto em quase seis metros. Morretes, município mais atingido pelo temporal, decretou situação de emergência para agilizar a captação de recursos financeiros e atender as necessidades da cidade.

+Leia mais! Praias de Santa Catarina atraem cada vez mais os paranaenses, que movimentam a economia local

Uma equipe da Coordenadoria Estadual da Defesa Civil foi deslocada para a região ainda na segunda-feira (1º). O chefe da Comunicação Social da Defesa Civil, capitão Marcos Vidal, informou que o órgão tem atuado para orientar e auxiliar Morretes no preenchimento das documentações necessárias para requisitar os recursos.

“Estamos prestando assistência a Morretes e aos demais municípios do Litoral. Apesar deste retorno aos níveis normais dos rios, continuaremos monitorando a região e dando todo o suporte necessário”, afirmou o capitão Vidal.

+Viu essa? Jacu “faz a festa” em mercadinho de condomínio de Curitiba. Assista!

Em Morretes, um casal continua acolhido na casa de parentes. Os outros 15 desabrigados e 58 desalojados já retornaram para as suas residências. “O cenário para essas famílias foi difícil, pois muitas perderam seus mantimentos e móveis”, disse o coordenador da Defesa Civil do município, Diogo Dornelles Bueno.

O Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar) informou que também foram registrados pontos de alagamentos em estações meteorológicas de Antonina e Guaratuba. As cidades já se encontram em situação normal.

Pantanal

Zuleica não aceita morar na fazenda com os filhos

Além da Ilusão

Davi expulsa Iolanda de casa

Novidades da Netflix

Filmes e séries que chegam à Netflix nesta semana

Estreia da semana

5 curiosidades sobre “O Telefone Preto”