Cerca de 200 motoristas do Uber realizam na tarde desta terça-feira (11) uma carreata para pressionar a Prefeitura de Curitiba a resolver a questão da regulamentação do aplicativo na capital. Apesar de um grupo de vereadores já ter apresentado um projeto de lei municipal que estabelece normas para funcionamento desse tipo de serviço em Curitiba, a questão segue sem uma solução definitiva.

De acordo com o motorista Victor Hugo Batista, 28, a concentração começou por volta das 14h no estacionamento do Parque Barigüi, onde os motoristas se reuniram para seguir em direção à Prefeitura, no Centro Cívico.

“Estamos pedindo a urgência na regulamentação, pois o Greca disse que iria regulamentar o aplicativo assim que assumisse o cargo e não é isso que vem acontecendo. Já são quatro meses de sua gestão e até agora nada. Ninguém aguenta mais trabalhar nessa situação, sendo perseguidos pelos taxistas e multados pela Setran. Chega! Isso é uma basta! Se for preciso, vamos até acampar em frente à Prefeitura. Daqui para frente, vamos cobrar e nos manifestar durante toda a semana”, disse o motorista Victor Hugo e Guilherme Machado.

Segundo Victor, a situação é urgente porque o Projeto de Lei 5587/16, que trata da regulamentação de serviços de transporte por meio de aplicativos já foi aprovado pela Câmara dos Deputados e seguiu para o Senado. “Só que, se for aprovada em Brasília antes de estar regulamentado aqui em Curitiba, nós estaremos trabalhando ilegalmente e nossos carros poderão ser apreendidos. Não queremos isso. Queremos trabalhar cm tranquilidade”.

Sem resposta

Ainda de acordo com ele, a manifestação seguiu até 16h30 em frente à Prefeitura, onde as ruas foram fechadas para a ação. No entanto, nenhum representante da atual gestão saiu conversar com os motoristas.