Uma auxiliar de enfermagem que presta serviços ao Departamento Penitenciário do Paraná (Depen) foi flagrada por agentes penitenciários tentando entrar com 12 celulares na Penitenciária Central do Estado (PCE), em Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba (RMC). A ação aconteceu na manhã desta quinta-feira (20).

Raio-x mostrou celulares escondidos em pacotes de café
Raio-x mostrou celulares escondidos em pacotes de café. Foto: Divulgação

Segundo o Depen, a mulher colocou os aparelhos escondidos em meio a dois pacotes de café. Como de praxe, quando os agentes penitenciários foram passar os objetos da funcionária pelo raio-x, acabaram descobrindo que ela estava tentando ajudar os presos.

Além dos 12 celulares, a auxiliar de enfermagem escondia também 14 carregadores e 12 fones de ouvido. Tudo acabaria nas mãos dos detentos da PCE, que é uma Unidade de Segurança e abriga presos das mais perigosas facções criminosas.

Por conta do flagra, a mulher foi presa. A auxiliar de enfermagem, que tem 49 anos, trabalhava há 22 no Depen. Ela foi encaminhada à Delegacia de Piraquara e deve também responder a um processo administrativo. Recentemente, uma a ação cinematográfica acabou com quase 30 presos fugindo da mesma penitenciária.

Estelionatário usa o nome de empregada pra aplicar golpe. Malandragem renderia R$ 1 milhão