Um tambor de freio que se soltou de um caminhão matou uma mulher na Rodovia do Xisto (BR-476) na tarde desta quarta-feira (17). O acidente ocorreu em Araucária, na Região Metropolitana, por volta das 14h20, na pista sentido Lapa. Roseli Salles, 44 anos, dirigia uma caminhonete modelo Fiat Toro quando a peça do caminhão atingiu o parabrisa do veículo. A filha da motorista, de 6 anos, estava no banco do passageiro e nada sofreu. O tráfego de veículos ficou lento na região.

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre nossa regiãofutebolentretenimento horóscopo, além de blogs exclusivos e os Caçadores de Notícias, com histórias emocionantes e grandes reportagens. Vem com a gente!

Segundo o inspetor José Steinheuser, da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o caminhão seguia no sentido Curitiba e é possível que o motorista não tenha percebido o acidente. “A peça se soltou e atingiu o parabrisa, atravessando o canto direito, onde estava a motorista, e saindo pelo vidro lateral. É possível que o caminhoneiro não tenha percebido a situação, mas não há como confirmar essa informação. Isso precisa ser apurado”, explicou Steinheuser.

A PRF ainda não tem a identificação do caminhão, mas as informações de testemunhas apontam que seria uma carreta transportando toras. “É o que tudo indica. Mas, como eu disse, as informações precisam ser apuradas com calma”, afirmou o inspetor da PRF.

+Leia também: Desesperada, família pede ajuda pra encontrar cadelinha furtada junto com outros bens

Socorristas foram acionados para tentar salvar a vítima, no entanto, a mulher morreu na hora. A filha dela, que estava no lado do passageiro, foi levada para a casa de parentes. Por telefone, ela própria teria avisado o pai do acidente.

Ainda segundo a PRF, pela posição da caminhonete na pista, é provável que a motorista tenha tentado desviar da peça. O veículo estava um tanto virado para a direita e os pés da mulher apoiados no freio.

O trecho onde ocorreu o acidente fica próximo do posto da PRF em Araucária, a cerca de doze quilômetros de Contenda, no quilômetro 159. O trânsito na Rodovia do Xisto não chegou a ser bloqueado totalmente, mas seguia lento até às 16h, nos dois sentidos.

O corpo da mulher foi encaminhado ao Instituto Médico-Legal (IML).

Torcedores espancam homem flagrado ao tentar abusar de adolescente no Couto