O período de quarentena por conta da pandemia de coronavírus recomendado pelas autoridades de saúde resultou com a suspensão das aulas nas escolas, antecipação de férias em algumas empresas e aumentou o fluxo de veículos em direção às praias do Paraná. Isso preocupa os prefeitos do litoral, que lembram não ter estrutura para receber um grande número de visitantes fora da temporada de férias, muito menos se as pessoas começarem a ficar doentes.

O prefeito de Guaratuba, Roberto Justus, divulgou vídeo apelando para que as pessoas não desçam a serra rumo ao litoral. “Na temporada, temos a Operação Verão, quando o governo do estado reforça nossas estruturas de atendimento. A operação já acabou e não temos mais como garantir um bom atendimento em segurança pública, coleta de lixo e, principalmente, saúde, se tivermos um grande aumento do fluxo de pessoas em nossa cidade”, alerta o prefeito.

LEIA MAIS – PR abre contratação imediata de profissionais e estudantes para tratamento do coronavírus

É quarentena, não é férias. Não dá, portanto, para aproveitar esse momento e vir para a praia, porque não temos como anteder vocês, principalmente na questão da saúde. Não temos médicos nem servidores suficientes para atendê-los, caso a situação se agravar”, prossegue Justus.

Nesta quinta-feira (19), a prefeitura de Matinhos também divulgou vídeo com o mesmo conteúdo. “ Matinhos no verão conta com um grande reforço do Governo do Estado nas áreas de saúde, segurança, coleta de lixo e outros. Agora a estrutura é apenas para garantir o atendimento aos moradores. A batalha agora é contra a pandemia do Corona Vírus! Vamos fazer a nossa parte, cuidando da saúde de nossas famílias, em nossas cidades, em nossas casas. O Brasil vai vencer, os estados vão vencer e as cidades vão vencer, e logo estaremos juntos novamente”, diz o comunicado.

VEJA MAIS – Universidade do PR transforma pinga e cerveja em álcool gel pra combater coronavírus

Guaratuba e Matinhos não têm, por exemplo, leitos de UTI nas cidades. O atendimento em saúde pública é prestado por unidades básicas de saúde e unidades de pronto atendimento (UPAs). O hospital de referência é o Hospital Regional de Paranaguá.

BR-277

A Ecovia, concessionária que administra o trecho da BR-277 entre Curitiba e Paranaguá, informa já registra crescimento do fluxo de veículos nos sentido litoral nos últimos dias. No entanto, por causa do esquema de trabalho adotado para prevenir o coronavírus, a concessionária explicou que os números do tráfego na rodovia deixaram de ser processados instantaneamente.

Como prevenir a contaminação por coronavírus

  • Lavar as mãos com frequência/ ou utilizar álcool 70%, principalmente antes de consumir algum alimento;
  • Utilizar lenço descartável para higiene nasal;
  • Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir;
  • Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca, higienizar as mãos após tossir ou espirrar;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter ambientes bem ventilados, evitar contato próximo com pessoas que apresentem sinais ou sintomas da doença;
  • Evitar contato próximo com animais selvagens e animais doentes em fazendas ou criações;
  • Pessoas com sintomas de infecção respiratória aguda devem praticar etiqueta respiratória (cobrir a boca e nariz ao tossir e espirrar, preferencialmente com lenços descartáveis, e depois lavar as mãos).

Baixe o guia de prevenção para compartilhar!

Imprima esse guia em PDF com informações sobre a prevenção do Coronavírus e outras doenças respiratórias virais: