Quatro dias após a Tribuna do Paraná mostrar o drama vivido por motoristas que precisam entrar e sair do bairro Tatuquara, a Prefeitura de Curitiba anunciou que as obras para concluir o Viaduto da Vila Pompéia serão iniciadas em até 15 dias. Na manhã desta segunda-feira (10), a administração municipal homologou a licitação para a construção das alças de acesso ao viaduto, que permitirão o uso da estrutura, que já está pronta.

Segundo informações da prefeitura, o tempo estimado para conclusão da obra é de 360 dias, com orçamento de R$ 5,3 milhões. Além das alças, o conjunto de obras inclui também intervenções no entorno do viaduto, com terraplanagem pavimentação, drenagem, sinalização, calçada, paisagismo e a pavimentação da Rua Francisco Xavier de Oliveira, entre a Delegado Bruno de Almeida e a cabeceira do viaduto.

Problemas

Dois entraves principais causavam a paralisação das obras há mais de dois anos (setembro de 2015). Com a conclusão da estrutura do viaduto, faltavam as alças de acesso e o alargamento das vias laterais para a conclusão do acesso. Porém, no projeto original, da gestão de Gustavo Fruet, não constava a construção das vias de ligação, o que fez o orçamento saltar de R$ 3,5 milhões para R$ 6,8 milhões, já que sua construção é responsabilidade da prefeitura.

Além das obras, 50 famílias ocupavam o terreno – pertencente ao Colégio Estadual Beatriz Faria Ansay – onde serão feitas as alças. A desocupação do local também travou o avanço das obras até sua solução.

Tatuquara

Além da reportagem mostrando o problema no acesso ao bairro, a Tribuna também trouxe à tona o problema da falta do Terminal do Bairro. Após ser prometido pelo prefeito Rafael Greca (PMN) para o final de 2017, apenas na última semana o edital de licitação foi lançado pela administração municipal.

+ APP da Tribuna: as notícias de Curitiba e região e do trio de ferro com muita agilidade e sem pesar na memória do seu celular. Baixe agora e experimente!

Pesquisa aponta Bolsonaro com 30% das intenções de voto. Quatro empatam em segundo