Oito policiais rodoviários estaduais suspeitos de exigirem propina para não aplicarem multas foram presos na noite desta quarta-feira (24) durante uma operação da Corregedoria Geral da Polícia Militar no Litoral do Paraná. Os mandados foram cumpridos em postos da Polícia Rodoviária Estadual nos postos de Matinhos e Guaratuba.

Os oito mandados contra os policiais foram autorizados pela Justiça Militar Estadual. A Vara autorizou ainda 15 mandados judiciais de busca e apreensão contra pessoas que não são policiais ligadas aos policiais e que, a princípio, estariam envolvidos no esquema.

+ Atenção! Você está a um clique de ficar por dentro do que acontece em Curitiba e Região Metropolitana. Tudo sobre futebolentretenimentohoróscopo, blogs exclusivos e os Caçadores de Notícias, com histórias emocionantes e grandes reportagens. Vem com a gente!

A operação foi esquematizada a partir de uma denúncia sobre “vantagens indevidas recebidas pelos agentes para não realizarem a sua função, na fiscalização policial e de trânsito pertinentes”, conforme explica, em nota, a PM. É o famoso “cafézinho”, a “cervejinha” ou a “caixinha de fósforos” pedida por alguns agentes.

No comunicado, a Corregedoria ressalta que condutas como as apontadas contra os PMs não são compactuadas pela corporação e são veementemente combatidas até para valorizar o trabalho dos profissionais.