O outono começa oficialmente neste sábado, 20 de março, às 6h38 (horário de Brasília) e a previsão é para que a nova estação tenha dias secos, com pouca chuva e chance até de geadas ao longo do período. A temporada segue tendo influência do fenômeno La Ninã. A estação termina à 0h32 do dia 26 de junho. A perspectiva de uma estação com pouca chuva preocupa, já que Curitiba e região seguem no rodízio por conta da forte estiagem que atingiu a região em 2020.

Segundo o Sistema de Tecnologia e Monitoramento Ambiental do Paraná (Simepar), o outono vai ter os períodos das manhãs e noites mais frias enquanto as tardes seguem quentes, ou seja, com grande amplitude térmica. A partir do mês de maio, ondas de ar frio e seco serão mais frequentes e intensas, provocando queda de temperatura com chance de geada no estado. Vale reforçar que os nevoeiros e as geadas são fenômenos típicos da estação por causa da variação climática de cada região.

+Lembra dessa? Avião que faz chover é testado pela Sanepar em Curitiba e região metropolitana

Reinaldo Kneib, o meteorologista do Simepar, reforça que a estação vai seguir tendo influência do La Ninã, mas que não ser de grande intensidade. Aliás, a previsão aponta dias secos e com pouca chuva, o que pode prejudicar os reservatórios que abastecem de água as casas dos paranaenses que passam por rodízio de 60x 36 (são 60 horas de fornecimento e 36 horas com suspensão). Nesta sexta-feira, o índice na medição estava em 60,83%.

“O fenômeno climático La Niña segue atuando sobre as águas do Oceano Pacífico Equatorial, influenciando o clima no Paraná, mas perde força e tende a dissipar-se até o final da estação. Estão previstos vários períodos prolongados sem chuva”, disse o meteorologista Reinaldo Kneib.

Vem geada!

O serviço Alerta Geada entra em operação na primeira semana de maio e segue até o final do inverno. O Simepar emite as previsões de geada para todas as regiões do Paraná por categorias de intensidade – fraca, moderada ou forte – com antecedência de 72, 48 e 24 horas. Mensagens são disseminadas por celular e e-mail para usuários cadastrados, assim como nas redes sociais.