A Polícia Federal, cumpre, nesta quinta-feira (4), três mandados de busca e apreensão, além de bloqueios judiciais de valores em uma ação contra fraudes no Auxílio Emergencial. A Operação Quarta Parcela, deflagrada pela PF em São Paulo, ocorre também em Curitiba, nos bairros São Francisco e Prado Velho.

Os envolvidos responderão por crimes de furto qualificado mediante fraude, podendo pegar de 2 até oito anos de prisão.

+Leia mais! Auxílio emergencial deve voltar e ficar entre R$ 150 e R$ 375

Segundo a Polícia Federal, cerca de 97 policiais estão cumprindo, no total, 28 mandados de busca e apreensão e 7 mandados de sequestro de bens, num total de de mais de R$ 170 mil bloqueados por determinação judicial nos Estados de São Paulo, Paraná, Amazonas, Bahia, Goiás, Mato Grosso, Rondônia e Maranhão.

A presente operação policial é fruto do trabalho conjunto da Polícia Federal, Ministério Público Federal, Ministério da Cidadania, CAIXA, Receita Federal, Controladoria-Geral da União e Tribunal de Contas da União, Instituições que participam da Estratégia Integrada de Atuação contra as Fraudes ao Auxílio Emergencial (EIAFAE).