Dois dias depois de Curitiba adotar a bandeira vermelha com aumento na rigidez nos serviços, a Polícia Militar (PM) encerrou, na noite deste domingo (14), uma festa de casamento no bairro de Santa Felicidade, em Curitiba. Trinta pessoas entre convidados e funcionários da casa de evento foram orientadas a deixar o local. O proprietário do espaço foi multado em R$ 50 mil.

+Leia mais! No primeiro fim de semana de bandeira vermelha, 44 pessoas foram presas em Curitiba

Segundo informações da PM, próximo das 19h, surgiu uma denúncia de que a casa de eventos estaria aberta. Equipes da Ação Integrada de Fiscalização Urbana (AIFU), se encaminharam ao local e perceberam que uma festa de casamento acontecia. Foi pedido para acabar com a comemoração e o proprietário foi informado que apesar do amplo espaço existente no local, o centro de eventos não pode funcionar com o novo decreto. Conforme a Polícia Militar, a multa de R$ 50 mil foi aplicada ao proprietário que ainda assinou um termo circunstanciado.

Pessoas presas em outras ações

De acordo com a prefeitura de Curitiba, 44 pessoas foram presas de sexta (12) até domingo (14), por descumprimento as medidas sanitárias na cidade. Além disso, 9 estabelecimentos comerciais que atuavam irregularmente foram fechados.